Digitópia

Icon

Platform for the Development of Digital Music Communities

get ready…

…it’s coming!

By: Rui Penha

Tagged: ,

Sons do Porto

“Sons do Porto” dão mote a Escola de Verão em Design de interacção sonora

Representar o Porto através de sons é o desafio proposto pela escola de verão em design de interacção sonora, uma iniciativa de âmbito europeu que este ano decorre na Cidade Invicta, sendo a organização liderada pelo INESC Porto, a Casa da Música e o Grupo de Tecnologia Musical de Barcelona. Ao longo de quatro dias, jovens estudantes com interesse em tecnologias do som têm a oportunidade de aprender com investigadores seniores. Além de palestras e tutoriais técnicos personalizados, os alunos tomarão contacto com o conceito de redes sociais nesta área através da plataforma Freesound.org.  A escola terá lugar nas instalações da Digitópia na Casa da Música, no Porto, de 18 a 21 de Julho 2009.  

As candidaturas para a escola de verão devem ser submetidas através do site do evento http://smcnetwork.org/summerschool/porto2009, até 24 de Abril 2009.

By: baffbaff

Tagged:

Nós por cá II

Para quem não pode ver a nossa magnífica performance, aqui está ela:

By: Rui Penha

Tagged: ,

O Phonobooth já está na Digitópia

Passem pela Digitópia para brincar com a máquina do Diogo… Como podem ver pela fotografia, o Joaquim foi o primeiro a experimentar!

By: Rui Penha

Tagged: ,

Clubbing

A Digitópia participará no Clubbing do próximo dia 14 de Março. Apareçam na Digitópia pelas 22h30 com vontade de tocar…

(PS: Aproveito para destacar o concerto na sala Cybermusica, pelas 23:30, de Labrador + P.MA. Labrador é o “nosso” Luís Teixeira.)

By: Rui Penha

Tagged: ,

Nós por cá

Hoje o programa Nós por cá será em fará um directo a partir da Digitópia. Visitem-nos ou sigam a emissão da SIC antes do Jornal da Noite!

By: Rui Penha

Tagged: ,

Seminários Digitópia

A Digitópia promove, nos primeiros meses de 2009, a primeira edição dos Seminários Digitópia, dedicados à programação nas artes digitais:

Introdução à programação em Max/MSP • 21, 22 e 23 de Fevereiro

Introdução à programação na “língua materna” de muitos músicos e artistas digitais que precisam de algo diferente do que aquilo que lhes é oferecido pelos programas convencionais. Este seminário abrirá horizontes para, entre infinitas possibilidades, poder conceber novas formas de fazer música, criar sons inauditos ou concretizar interfaces de expressão musical personalizados. Tudo isto sobre uma ferramenta muito fácil de utilizar (e de reutilizar…).

Introdução à programação com Processing • 28, 29 e 30 de Março

Um excelente exemplo da força do software livre: partindo de uma ambiciosa ideia de dois alunos do MIT, em 2001, surge um movimento que tomará de assalto o mundo das artes digitais. Em 2008 – ano do lançamento da versão 1.0 -, o Processing é utilizado um pouco por todo o mundo para criar design gráfico, vídeo, música, instalações, sítios web, visualizações de dados e tudo o mais que a imaginação dos seus utilizadores permitir.

Introdução à “Physical Computing” com Arduino • 1, 2 e 3 de Maio

Como o Processing para a programação, encontramos o Arduino: uma plataforma open-source para o desenvolvimento de projectos em electrónica. Uma porta de entrada para o mundo dos sensores – de posição, de distância, de luz, de temperatura… -, dos motores, dos botões e dos LEDs. Alguma vez pensou em criar um instrumento robótico ou um candeeiro que muda de cor consoante o que “ouve”? Então este seminário é para si…

Formador • Rui Penha

Preço Unitário • € 15 (acresce preço do material, a anunciar, no seminário de Arduino)

Limite de inscrições • 24 participantes, que poderão trazer o seu próprio computador portátil se assim o desejarem.

Para mais informações, por favor contacte: [email protected] | +351 220 120 290

By: Rui Penha

Tagged: , ,

1º Concurso de Miniaturas Digitópia

Chegou ao fim o primeiro Concurso de Miniaturas Digitópia!

O objectivo deste concurso era a criação, utilizando os recursos disponíveis na Digitópia, de uma miniatura com até um minuto e meio de duração. Era obrigatória a utilização de pelo menos um som de entre os gravados no Metro do Porto pelo Factor E, equipa residente do Serviço Educativo da Casa da Música, por ocasião do Dia Mundial da Música de 2008.

O júri, constituído por Álvaro Barbosa (Escola das Artes – UCP) , Carlos Guedes (ESMAE), Fabien Gouyon (INESC Porto), Paulo Rodrigues (Casa da Música) e Rui Penha (Digitópia), decidiu atribuir os prémios desta primeira edição da seguinte forma:

1º lugar: “aluminum cotton”, João Freitas Gravato

  • Prémio: 1 controlador Midi Korg padKONTROL, 10 bilhetes, à escolha, de entre a programação da Casa da Música para 2009

2º lugar: “untitled voices”, João Freitas Gravato

  • Prémio: 10 bilhetes, à escolha, de entre a programação da Casa da Música para 2009

Por coincidência (relembro que as obras chegaram ao júri de forma completamente anónima), os dois prémios foram atribuídos a duas miniaturas do mesmo autor. Poderão ouvir as obras vencedoras na barra lateral, os ficheiros originais ficarão disponíveis na Digitópia para consulta de todos os visitantes.

Terão lugar, em 2009, novas edições deste e de outros concursos Digitópia: estejam atentos!

By: Rui Penha

Tagged:

2009 – Ano de afirmação da Digitópia

2007 foi o ano de implementação da Digitópia, sediada no “Para um Manifesto Digitópia”. 2008 foi o ano de expansão da Digitópia, com início na análise “3 Meses de Digitópia”, seguida de uma forte atenção internacional sobre o projecto. 2009 será, espero, o ano de afirmação da Digitópia!

Espera-se uma evolução tumultuosa, cheia de surpresas e novidades… mantenham-se atentos!

By: Rui Penha

Tagged: